live_tvINSCREVA-SE NO REMADOR TV
Google News Siga o Remador no Google News
Google News Siga o Remador no Google News!

Manaus (AM) – O vereador Rodrigo Guedes denunciou a prática abusiva cometidas por postos de gasolina de Manaus no aumento de até R$ 1,00 no valor da gasolina, após o Governo reonerar os impostos federais sobre os combustíveis. O aumento deveria ser entre R$ 0,30 e R$ 0,35.

Continua depois a Publicidade

O Governo Federal, por meio do Ministério da Fazenda, anunciou na última segunda-feira (27) o aumento do imposto sobre os combustíveis para arrecadar R$ 28,8 bilhões neste ano.

A decisão ocorre após a desoneração, redução a zero, dos impostos federais que incidem sobre a gasolina, o álcool, a querosene de aviação e o gás natural veicular (GNV) não ser prorrogada e começar a valer nessa quarta-feira, 01/03.

Sendo assim, na prática os postos de combustíveis deveriam aumentar entre R$ 0,30 a 0,35 no valor da gasolina, porém, o reajuste foi de R$ 1,00 nos postos. De acordo com Rodrigo Guedes, o aumento é classificado como cobrança abusiva e fere os direitos do consumidor.

“Os postos de gasolina aumentaram os valores antes da reoneração dos impostos federais sobre os combustíveis para quando ela de fato acontecesse, eles pudessem aumentar mais ainda. Até segunda feira o preço nos postos estava a R$ 5,59 e hoje está R$6,59, sendo que na prática a reoneracao dos impostos corresponde a algo em torno de R$ 0,30 a 0,35 centavos. Isso é uma prática abusiva, crime contra a economia popular”, disse.

O vereador Rodrigo Guedes formalizou a denúncia aos órgãos de controle e de defesa aos direitos do consumidor para que a prática abusiva seja investigada.

Vereador Rodrigo Guedes denuncia aumento abusivo de R$ 1,00 no preço da gasolina em Manaus

Instagram Box
×

Siga-nos no Instagram e fique por dentro das últimas notícias!

message Siga Agora!
Share.

Diretor de Jornalismo | MTB 1697/AM | E-mail: jornalismo@remador.com.br Especializado em Política com cobertura dos bastidores da polítca no Amazonas.

Google News Siga o Remador no Google News!