fbpx
live_tvINSCREVA-SE NO REMADOR TV
Google News Siga o Remador no Google News
Google News Siga o Remador no Google News!

Manaus / AM – Partiu do vereador Eduardo Alfaia (PMM ), uma denúncia na manhã desta quinta-feira (15) contra o vereador Amom Mandel (Cidadania) na Câmara Municipal de Manaus. Segundo Alfaia, o colega Amom agrediu verbalmente duas servidoras da casa por uma ligação ao cobrar o encaminhamento de requerimentos de sua autoria. 

Continua depois a Publicidade
Instagram Box
×

Siga-nos no Instagram e fique por dentro das últimas notícias!

message Siga Agora!

Com a aproximação do encerramento do período parlamentar, Amom teria solicitado à servidora agilidade na apresentação de requerimentos de sua autoria, interpretado, segundo comentários do vereador Eduardo Alfaia (PMN) como ameaças machista, intolerante e misógeno.

Em solidariedade à servidora, Alfaia disse que Amom não é maior e nem melhor do que ninguém e que o tratamento misógeno e machista usado contra uma mulher precisa ser banido.

“Peço desculpas por qualquer fala ou ato que possa ter ofendido a servidora”, declarou.

Foi o estopim para que outros vereadores criticassem Amom, que este ano deixa a casa para assumir uma vaga na Câmara Federal como o mais votado pelo Amazonas.

O que diz o vereador Amom – Nota

O deputado federal eleito Amom Mandel divulgou uma nota nesta quinta-feira (15) para comentar a acusação de que teria feito ameaças a servidoras da Câmara Municipal de Manaus (CMM). A acusação, que ele nega, ocorreu durante a sessão plenária extraordinária de hoje.

“Eu me retratei publicamente e reforço o pedido de desculpas às servidoras, se acharam que por algum motivo eu fui ameaçador ou desrespeitoso. Nunca discriminei ninguém, independente de gênero, sexo, religião ou raça”, afirma. Leia a nota: “Sempre me pautei pela seriedade, legalidade e tecnicidade. Eu me retratei publicamente e reforço o pedido de desculpas às servidoras, se acharam que por algum motivo eu fui ameaçador ou desrespeitoso. Nunca discriminei ninguém, independente de gênero, sexo, religião ou raça. De fato, liguei, interfonei durante a sessão anterior, para a servidora, mas para solicitar celeridade no trabalho, que é de competência dessa servidora, porque inúmeras vezes atestei uma possível lentidão para a inclusão na pauta dos Projetos de Lei de minha autoria, para o recebimento, através do sistema, dos requerimentos, Projetos de Lei e afins, e uma demora excessiva, e informei que gostaria que o trabalho de todos os servidores fosse feito da forma correta e seguindo o rito legal, pois se não fosse, de fato iria às vias legais. Sempre respeitei e respeito todas as mulheres, isso é meu dever como homem e parlamentar.”

Manaus, 15 de dezembro de 2022.

Amom Mandel Lins Filho

Instagram Box
×

Siga-nos no Instagram e fique por dentro das últimas notícias!

message Siga Agora!
Compartilhe esta notícia

Diretor de Jornalismo | MTB 1697/AM | E-mail: [email protected] Especializado em Política com cobertura dos bastidores da polítca no Amazonas.

Google News Siga o Remador no Google News!
Portal Remador
Copyright© 2019 – 2024 | Portal Remador | Todos os direitos reservados