live_tvINSCREVA-SE NO REMADOR TV
Google News Siga o Remador no Google News
Google News Siga o Remador no Google News!

O Tribunal Superior Eleitoral publicou hoje(26) no Diário Oficial, a exoneração do servidor Alexandre Gomes Machado, assessor de gabinete da Secretaria Judiciária da Secretaria-Geral da Presidência. 

Continua depois a Publicidade

A demissão de Machado foi emitida no mesmo dia em que a campanha bolsonarista encaminhou ao TSE, a petição com os detalhes dos documentos usados para sustentar a denúncia de que rádios, especialmente no Nordeste, deixaram de transmitir mais de 150 mil inserções de propaganda eleitoral do presidente. 

Os advogados enviaram o relatório de auditoria de mídia realizado pela empresa Audiency Brasil Tecnologia Ltda e fizeram um recorte amostral de oito rádios de municípios de Pernambuco e da Bahia, que deixaram de veicular mais de 700 inserções da campanha de Bolsonaro — beneficiando indiretamente Lula.

Machado exercia a função de Coordenador do Pool de Emissoras, sendo responsável pelo recebimento das peças publicitárias e sua disponibilização no sistema eletrônico do TSE, para que sejam baixadas pelas emissoras de  TV e rádio. 

Procurada pelo Antagonista, a assessoria do tribunal disse que a exoneração ocorreu “em virtude do período eleitoral” e que “a gestão do TSE vem realizando alterações gradativas em sua equipe”.

Instagram Box
×

Siga-nos no Instagram e fique por dentro das últimas notícias!

message Siga Agora!
Share.

Diretor de Jornalismo | MTB 1697/AM | E-mail: jornalismo@remador.com.br Especializado em Política com cobertura dos bastidores da polítca no Amazonas.

Google News Siga o Remador no Google News!