live_tvINSCREVA-SE NO REMADOR TV
Google News Siga o Remador no Google News
Google News Siga o Remador no Google News!

Xangai (China) – Quer mandar um beijo para o seu amante à distância? Uma engenhoca chinesa com “lábios” de silicone parece proporcionar essa realidade.

Continua depois a Publicidade

O dispositivo, anunciado como uma forma de permitir que casais de longa distância compartilhem intimidade física “real”, está causando um burburinho entre os usuários chineses de mídia social.

Equipado com sensores de pressão e atuadores, o dispositivo é capaz de imitar um beijo real, replicando a pressão, o movimento e a temperatura dos lábios do usuário. Junto com o movimento do beijo, também é possível transmitir o som que o usuário faz.

No entanto, enquanto muitos usuários de mídia social viram um lado engraçado do dispositivo, outros o criticaram como “vulgar” e “assustador”. Alguns expressaram preocupação de que menores possam comprá-lo e usá-lo.

“Não entendo (o dispositivo), mas estou totalmente chocado”, disse um dos principais comentários no Weibo, rede social muito utilizada na China.

Na plataforma, semelhante ao Twitter, várias hashtags sobre o dispositivo acumularam centenas de milhões de visualizações na semana passada.

Para enviar um beijo, os usuários precisam baixar um aplicativo para celular e conectar o dispositivo à porta de carregamento do telefone. Depois de emparelhar com seus parceiros no aplicativo, os casais podem iniciar uma videochamada e transmitir réplicas de seus beijos um ao outro.

De acordo com o Global Times, estatal da China, a invenção foi patenteada pelo Instituto Vocacional de Tecnologia Mecatrônica de Changzhou.

“Na minha universidade, eu mantinha um relacionamento à distância com minha namorada, então só nos falávamos por telefone. Foi daí que surgiu a inspiração para este dispositivo”, disse Jiang Zhongli, o principal inventor do design, segundo o Global Times.

Ele disse que Jiang havia solicitado uma patente em 2019, mas que ela ficou pronta em janeiro de 2023.

Uma invenção semelhante, o “Kissinger”, foi lançada pelo Imagineering Institute na Malásia, em 2016. No entanto, foi fabricada na forma de uma almofada de silicone sensível ao toque, em vez de lábios de aparência realista.

Embora anunciado para relacionamentos de longa distância, o dispositivo chinês também permite que os usuários formem pares anonimamente com estranhos na função “quadrado do beijo” do aplicativo. Se dois estranhos combinam e gostam um do outro, eles podem pedir para trocar beijos.

Os usuários também podem “carregar” seus beijos no aplicativo para que outras pessoas baixem e experimentem.

No maior site de compras online da China, o Taobao, dezenas de usuários compartilharam suas avaliações sobre o dispositivo, que custa o equivalente a US$ 41.

“Minha parceira não acreditava que o beijo (remoto) pudesse ser alcançado no início, então seu queixo caiu quando ela o usou… Esta é a melhor surpresa que dei a ela durante nosso relacionamento à distância. Obrigado tecnologia”, comentou um usuário.

Com informações da CNN

Instituto na China cria dispositivo que simula beijo a distância entre usuários

Instagram Box
×

Siga-nos no Instagram e fique por dentro das últimas notícias!

message Siga Agora!
Share.
Google News Siga o Remador no Google News!